Tanchagem ou Plantago major


A tanchagem é uma planta com grandes propriedades medicinais, e dela utiliza-se tanto as folhas quanto as sementes. Trata-se de uma planta de folhas grandes e verdes, muito usada no preparo de remédios naturais para tratar doenças como resfriados, bronquite, infecções urinárias e hemorroidas. Ela também atua como um poderoso anti-inflamatório e cura irritações nos olhos e na pele.



Todas as propriedades que esta planta tem se devem ao fato de que ela contém uma boa quantidade de antioxidantes que ajudam a proteger e prevenir os danos causados pelos radicais livres.
Tanto as folhas quanto as sementes da tanchagem são utilizadas na medicina natural como antibacterianas, adstringentes, antissépticas, anti-inflamatórias, emolientes, diuréticas, expectorantes e laxantes. Podem ser utilizadas para beber na forma de chá ou para aplicar nas áreas afetadas como cataplasma.
A tanchagem é muito usada para tratar e aliviar as infecções urinárias e diversos problemas na bexiga: é excelente para tratar problemas de hipertensão e os níveis altos de açúcar no sangue, também ajuda a curar problemas digestivos como a diarreia, gastrite, úlceras pépticas e intestino irritável, assim como é muito útil para aliviar a dor causada por hemorroidas e diminuir a febre. Com esta planta também é possível preparar enxaguantes bucais para curar as feridas na boca e na gengiva.
O suco de tanchagem também pode ser administrado internamente para o tratamento de úlceras estomacais, corrosão do esôfago decorrente da regurgitação ácida e afecções semelhantes.A tanchagem é usada para tratar a síndrome lín (dor ao urinar), em que a micção é dolorosa, e a urina escassa, e de toma amarelo-escuro. A erva também ajuda a eliminar o calor e drenar para baixo, em quadros de fleugma-calor nos pulmões. A tanchagem tem um sabor doce e neutro e sua natureza fria. Ela atua para percolar e drenar a umidade com sua neutralidade e dissipa o calor com eficiência por meio de sua natureza fria. A tanchagem é um excelente medicamento para dissipar o calor e cessar os sangramentos resultantes de lesões nos vasos sanguíneos provocadas pelo calor, com sintomas como expectoração sanguinolenta e sangue na urina e nas fezes. A tanchagem é doce e fria, sendo estimável no tratamento de feridas na carne, tanto internas quanto externas. Muitos pacientes relatam alívio de dor e da queimação, além de afirmar que, em comparação a qualquer outro tratamento, estes lhe proporcionou alívio mais imediato.
Dosagem e preparo
Use de 5-15 g em decoção ou infusão;
3-6 ml de tintura.
Prepare a tanchagem para aplicação externa, esmagando as folhas frescas e aplicando-as diretamente sobre a área afetada, ou infunda-as em óleo para obter uma infusão em óleo ou uma pomada. A erva seca de boa qualidade é verde, de um tom que varia de claro e o escuro, e se apresenta inteira. Não deve haver nenhum odor. Contudo, ao provar a folha e mantê-la na boca por alguns minutos, a sensação será levemente pegajosa.

Geralmente a tanchagem administrada oralmente não tem nenhum efeito colateral, mas algumas pessoas que são alérgicas ao melão provavelmente também sejam à tanchagem. Por isso é preciso ter um cuidado especial nesses casos.
Mulheres grávidas não devem usar a planta sob nenhuma hipótese, pois podem apresentar um aborto involuntário já que a tanchagem pode causar algumas alterações no útero.

Fontes bibliográficas:
http://www.fotosantesedepois.com/
http://melhorcomsaude.com/
remediodaterra.com.br