Vinagre de maçã e seus benefícios

Texto foi baseado nos sites:http://www.minhavida.com.br/ - http://www.tuasaude.com/

www.harmoniaesaude.org
O vinagre de maçã possui boas quantidades de ácido acético. Este ácido inibe a ação de várias enzimas que digerem os carboidratos, entre elas amilase, sacarase, maltase e lactase. Assim, este ácido é um bloqueador natural da absorção de amidos e açúcar. Quando estas enzimas são bloqueadas, os carboidratos passam direto através do trato digestivo. Desta maneira, são eliminadas calorias que se tivessem sido absorvidas contribuiriam para o aumento de peso.

O ácido acético ainda irá melhorar a eficiência dos músculos e a recuperação após os treinos. Além disso, a substância faz com que a glicose seja liberada lentamente no sangue, o que é benéfico para prevenir o diabetes.

O alimento também possui boas quantidades de quercetina. Ela é importante porque possui ação antioxidante, melhora a imunidade e ajuda a reduzir os efeitos da histamina, uma substância que causa os sintomas de inflamação e alergia. Outras substâncias com ação antioxidante presentes no vinagre são as catequinas.

O vinagre de maçã conta com traços de fibras pectina que proporciona saciedade, absorção de gorduras e melhora o trânsito intestinal. O alimento ainda possui betacaroteno, que evita problemas de visão e protege a pele, e potássio, que é essencial para o funcionamento celular.

O vinagre de maçã é feito através da fermentação da fruta, que é posteriormente oxidada como os outros tipos de vinagre. É uma excelente fonte de vitaminas e minerais, proporcionando inúmeros benefícios à saúde do ser humano, principalmente devido a sua ação fortalecedora do sistema imunológico.

www.harmoniaesaude.org
Os principais benefícios do vinagre de maçã são:

Possui ação digestiva, contribuindo para a diminuição da gordura corporal;
Auxilio na redução de peso e celulites;
Regula o armazenamento de açúcares;
Fonte de vitaminas, enzimas e ácidos orgânicos;
Fonte de ferro e de antioxidantes;
É altamente diurético;
Promoção do rejuvenescimento da pele e do cabelo;
Diminuição da sensação de fome;
Fonte de fibras, que contribuem para o funcionamento do intestino;
Combate doenças como anemia, artrite e asma;
Auxilia no tratamento de calos;
Prevenção do mal de Alzheimer;
Controle da pressão arterial;

Devido a todos esses benefícios, o vinagre de maçã deve ser incluso na dieta diária como forma de manutenção da saúde, podendo ser consumido como tempero de saladas, misturado com água devido a sua alta concentração e em cápsulas, sendo encontrado em farmácias e em lojas de produtos naturais.

Pessoas que sofrem com úlcera devem evitar o consumo do vinagre de maçã. Quem tem problemas gástricos precisa fazer uma série de restrições no dia a dia e não deve consumir muito vinagre. Também é recomendado que esses indivíduos evitem sucos ácidos, refrigerantes, condimentos, chás e café. Isto porque estes alimentos podem irritar o estômago.

Consumir o vinagre de maçã em excesso pode levar a uma série de problemas de saúde. Pesquisas com animais indicam que grandes quantidades do tempero causam danos no estômago, duodeno e fígado devido à sua acidez.

A acidez do tempero pode chegar ao ponto de mudar o pH do sangue e causar uma acidose metabólica, quadro de risco que pode ser fatal. Porém, o problema só ocorre quando o vinagre é consumido em quantidades imensas, como uma garrafa inteira em um dia.

Além disso, grandes quantidades de vinagre podem teoricamente interagir com diuréticos, laxantes e medicamentos para diabetes e doença cardíaca. 

O vinagre de maçã pode ser consumido na salada. O alimento também pode ser adicionado na água ou suco. Para ter a quantidade recomendada, uma alternativa é colocar uma colher de chá de vinagre na salada do almoço e outra na do jantar e acrescentar o restante em um copo de água ou suco. O alimento pode ser aquecido durante a elaboração de uma receita, mas evite consumi-lo puro.

É importante comprar um vinagre de maçã orgânico, não pasteurizado e não filtrado. O vinagre ideal é o que apresenta uma fina teia boiando no conteúdo que são as enzimas e cultura bacteriana benéfica do processo de fermentação. Os estudos com o vinagre de maçã foram feitos com o consumo que varia de duas a quatro colheres de sopa por dia, diluídas em água. Por isso, o indicado é ingerir até duas colheres de sopa de vinagre de maçã, cerca de 30 ml, diariamente.