Melão - uma fruta do verão !

www.harmoniaesaude.org
melão 

Melão (Cucumis melo L.)

É uma fruta provavelmente nativa do Oriente Médio.
Existem inúmeras variedades cultivadas em regiões semi-áridas de todo o mundo, todas apresentando frutos mais ou menos esféricos, com casca espessa e polpa carnosa e suculenta, com muitas sementes achatadas no centro. A cor e a textura da casca, bem como a cor e o sabor de sua polpa, variam de acordo com o cultivar.


A abundância de água em seu interior e o sabor suave tornam o melão uma fruta muito apreciada na forma de refrescos. Suas sementes, tostadas e salgadas, também podem ser consumidas.


Cada 100 gramas de melão contém:
Calorias - 31 kcal
Proteínas - 0,85 g
Gorduras - 0,15 g
Vitamina A - 2800 U.l.
Vitamina B1 (Tiamina) - 30 mcg
Vitamina B2 (Riboflavina) - 20 mcg
Vitamina B3 (Niacina) - 0,55 mg
Vitamina C

O melão é bastante refrescante e por esse motivo indicado para os meses de calor. Contém quantidades razoáveis de Cálcio, Fósforo e Ferro, que contribuem para a formação dos ossos, dentes e sangue. Tem também vitamina A que protege a visão, vitamina C, que age contra infecções e Niacina, que combate problemas de pele. Por conter pectina e fibras solúveis, ajuda a controlar os níveis de colesterol no sangue. Tem alto teor de bioflavonóides, que aumentam a resistência dos vasos sanguíneos e capilares, além de ser útil no fortalecimento do sistema imunológico.

Maduro, o melão é bom como calmante, diurético e laxante. É também recomendado nos casos de gota, reumatismo, artrite, obesidade, colite, prisão de ventre, afecções renais, nefrite, cistite e infecções ginecológicas. Recomendado para regimes de emagrecimento, para diabéticos e hipertensos, pois, além de mineralizante e vitamínico, é pouco calórico. Sua polpa contém papaína, uma enzima excelente para uma boa digestão, pois ajuda na decomposição de proteínas. Além disso, contém peptidase e protease, que também ajudam na digestão dos alimentos. Rico em fibras, auxilia no esvaziamento dos intestinos e na eliminação de toxinas, sendo muito útil no combate à prisão de ventre. Os de polpa amarela são uma excelente fonte de vitamina A, ajudando na visão; e de vitamina C, que desempenha importante papel no sistema imunológico. As sementes contém aminoácidos como lisina e histidina,sendo usadas em muitos países em substituição a amêndoas e pistaches. Devido à sua alcalinidade, deve ser ingerido antes das refeições. Tem muito potássio, (430 mg em 100g de polpa) sendo útil para as pessoas que eliminam muito potássio: pelo uso de diuréticos, pelo suor (atletas), ou pela perda de líquidos no caso de diarréias. Até sua casca contém potássio; por isso deve ser usada como adubo.



FRANCO, LELINGTON LOBO - As incríveis 50 frutas com poderes medicinais